11 maio 2020

3 Músicas que me Causam Desconforto


Algumas músicas tem o dom de nos fazer sentir saudades, aconchego ou até mesmo de nos emocionar, mas há outras melodias que acabam por nos causar repúdio. Sinto isso principalmente quando acabo sendo obrigada a ouvir um funk pesado, ou o chamado funk proibidão, onde as letras são explícitas e trazem conotação à sexo, drogas e/ou estupro. Porém, existem músicas com letras que não são assim tão nítidas, ou que ás vezes traz um assunto que eu discordo e também me causa incômodo.

Música é questão de gosto e esse post não é uma crítica, respeito acima de tudo. Ok?! Não sou fã de funk pesadão, mas se você gosta, tá tudo bem também. Por meio desse texto eu vou desabafar sobre três músicas que me causam desconforto, e você tem total direito de discordar de mim, ou não.

Vidinha de Balada - Henrique e Juliano



Pra mim a música já começa errada! Imagine que você, mulher hétero, resolveu ficar com um homem qualquer dia desses, aí ele te liga, marca outro encontro e diz:
"Oi, tubo bem? Que bom te ver
A gente ficou, coração gostou não deu pra esquecer
Desculpa a visita, eu só vim te falar
'Tô afim de você e se não tiver 'cê vai ter que ficar"

Como assim se eu não tiver afim eu vou ter que ficar? Corre que é cilada Binho! E fica pior no refrão:

"Eu vim acabar com essa sua vidinha de balada
E dar outro gosto pra essa sua boca de ressaca

Vai namorar comigo sim
Vai por mim igual nós dois não tem
Se reclamar 'cê vai casar também, com comunhão de bens
Seu coração é meu e o meu é seu também"

Será que só eu vejo um discurso machista nessa música? Ainda se imaginando na situação, o embuste está ligeiramente obcecado e já começa a diminuir a sua vida chamando-a pelo diminutivo, como se ter uma "vida de balada" e curtir a noite com amigos (ou não) fosse errado. Aí depois ele quer te obrigar a namorar e casar com ele. Na minha humilde opinião, relacionamentos abusivos começam como essa música, de forma velada e com o errôneo sentimento de que a obsessão do boy lixo é amor e romantismo.

Litrão - Matheus e Kauan



Comecei a ouvir essa música em vídeos do Instagram e achei mais uma audácia machista, pois ela começa dando uma dica que o cara tá te apressando pra você se adequar à vida dele:

"Não sou de fazer ameaça, mas seu beijo vai ter volta
Não 'tô querendo te apressar, mas minha vida já 'tá pronta"

Aí o refrão vem com aquele discurso em que o boy faz você escolher entre ele ou as coisas que você gosta:

"Você decide, a minha boca ou a do litrão
'Cê quer dançar comigo ou descer até o chão, sozinha?
Você quer ser da bagaceira ou quer ser minha?
(...)
'Tá na sua mão
Vai escolher amanhecer na farra ou no meu colchão?"

Eu sinceramente espero que essa música seja ironia disfarçada, por que toda vez que a ouço eu fico assim:


Em pleno século XXI e a pessoa quer me fazer escolher entre ela ou meus drinks? É sério isso? Por que se for, traz mais Corote! Sério gente, em um relacionamento é necessário haver equilíbrio, você não pode exigir que por você o mozão evite as coisas que ele se interessa, e vice-versa. Portanto, não acho legal uma música que dá ênfase ao fato de que a menina ficará sozinha se escolher dançar até o chão. Pelo amor de Deus, as amigas estão sempre lá pra dançar até chão com a gente, sem contar que é melhor dançar e viver sozinha do que com um embuste. Uma resposta para essa música seria a Não Sou Obrigada, da Mc Pocah.

A Culpa é Dele - Marília Mendonça feat. Maiara e Maraisa 



Quando começo a ouvir essas músicas com historinha eu já imagino a situação. Duas amigas conversando, uma delas bem inquieta e aí vem a bomba:
"O cara que eu 'tava deu em cima de você, foi?
E aí você ficou com ele, mas foi uma vez, ok
Do que 'cê tá com medo? De estragar a amizade?
Nem fica preocupada, a gente resolve mais tarde

Se quem 'tava comigo era ele, a culpa é dele
Quem fez essa bagunça na nossa amizade é ele
Eu não vou deixar de ser sua amiga por causa de um qualquer
Que não respeita uma mulher"

Eu acho lindo que atualmente as mulheres tenham mais representatividade, sororidade e que sejamos mais unidas, mas uma ação errada não deixa de ter peso por que ela veio da sua amiga. Se a best ficou com o teu boy, os dois tem culpa, ele traiu o relacionamento amoroso, e ela a amizade que tinha com você.

"Muié que deixa de ser amiga da outra por causa de macho, vale menos que o macho." - Marília Mendonça

Desculpa Marília, mas pra mim tal afirmação não se aplica em alguns casos, como por exemplo, traição.

"Nossa Leslie, você está fazendo mimimi!". Me entendam, música é entretenimento, arte e gosto pessoal, por isso, as vezes nós interpretamos letras de formas bem diferentes! O livre arbítrio é mesmo uma benção. Infelizmente essas são músicas que me causam desconforto, o que não significa que você deve parar de ouvir ou que os artistas quiseram ser maldosos. É só... minha opinião como consumidora.


33 comentários:

  1. Não conheço essas músicas/artistas, mas realmente, as letras não tem nada de coerente, por assim dizer. xD

    Beijo.
    Cores do Vício

    ResponderExcluir
  2. Eu concordo muuuuuuito!
    Olha, não é só porque não sou fã dessas músicas que eu digo isso mas essas letras são bem problemáticas.
    Beijos!

    Marcelamirandadesigner.blogspot.com

    ResponderExcluir
  3. Concordo plenamente com você, é cada música sem noção que inventam

    https://www.submersaempalavras.com/

    ResponderExcluir
  4. Interesting topic to write songs about, haven't heard any of these before.

    LackaDaisy

    ResponderExcluir
  5. Concooordo contigo em todas as músicas. Não tenho paciência pra sertanejo, mas sinceramente uma pior que a outra. A segunda só reforça a teoria de que mulher não pode se divertir depois de namorar, enquanto normalmente o cara continua a vida normalmente. A primeira é horrível, forçando a pessoa ficar, aquele boy escroto.
    A última é um horror. Não é só porque tenho sororidade que vou ficar do lado da minha amiga que ficou porque quis com o meu namorado. Os dois estão errados, os dois são pessoas que a mulher tende a confiar. Pisou na bolaa sim xD.
    Beijos,
    Mundo Perdido da Carol
    Instagram: @carolinsweet
    Fan Page

    ResponderExcluir
  6. Achei zero mimimi e concordo real! Essa primeira música, do Henrique e Juliano, já ouvi por aí e bléééé. Fico chocada. E a maioria dessas músicas mais abusivas são sertanejas, aff, decepção -.-

    Beijinhos
    tipsnconfessions.blogspot.com
    @raquel_tips

    ResponderExcluir
  7. Estou amando ler seus posts... vou até salvar em favoritos!


    Meu Blog: resultadovalesorte.net

    ResponderExcluir
  8. Oi Leslie,
    Eu não tinha parado para pensar no assunto, mas estas 3 músicas são de lascar!!! Concordo!
    Beijos

    ResponderExcluir
  9. Menina eu amooooo a rainha Marília mas A CULPA É DELE eu fico ??????? mulher a culpa é dos doisss SIM! AHAHAHAHAHA n guento.

    Beijos,
    www.tammycezaretti.com.br

    ResponderExcluir
  10. Oi, Leslie!!!
    Eu tinha até que fazer um post desses porque eu conheço VÁRIAS músicas que me causam desconforto por causa da letra. Só que eu canto mesmo assim, mesmo que não concorde. A que mais me irrita é Liberdade Provisória, porque o cara termina com a guria e fica brincando de solteiro, ai quando ela resolve seguir a vida dela, ele quer voltar? Me poupe! E tem aquela Deixa ela saber, que eles romantizam traição na maior cara dura, e ainda por cima colocam uma música lenta sabe??? Como se isso fosse algo legal!!! E eu também detesto essa da Marília Mendonça. A mina é mó talarica e eu preciso só culpar um? Hoje não!
    Amei o post! Beijo
    https://www.capitulotreze.com.br/

    ResponderExcluir
  11. Oii
    Concordo com seu post, muitas músicas sertanejas são bem emblemáticas e com letras muito questionáveis. Litrão me incomoda de uma maneira absurda, não sei como as pessoas conseguem considerar como se fosse normal.

    Beijinhos!!
    http://focadasnoslivros.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  12. "Vai escolher amanhecer na farra ou no meu colchão?" Olha que eu nem sou de farra, mas eu ia preferir amanhecer na farra e ir pra casa a pé.
    Também não curto esse tipo de música Léslie, nada contra quem gosta, mas não seriam minhas escolhas pra ouvir nos percursos da vida.
    Abraços,
    Ava
    https://apenasava.com/

    ResponderExcluir
  13. Confesso que antigamente não ligava muito para a letra da música não, mas hoje em dia não consigo cantar ou ouvir de forma feliz uma música que diz coisas contrárias ao que eu acho certo. Amei seu post, porque quase ninguém expõe isso! ❤

    https://www.kailagarcia.com

    ResponderExcluir
  14. Nossa, se começarmos a fazer uma lista de músicas com letras muito erradas dá mais de metro!!! E como você disse no começo do post, a gente acha que só funk tem letras péssimas, sertanejo tem à beça também. E o pior é que as pessoas vão ouvindo, às vezes sem se dar tanta conta, sabe? E essas ideias podem até se internalizar na cabeça delas. Tipo, incentivar a terem esse tipo de opinião/pensamento errado que essas músicas pregam. Tem uma também que eu ODEIO. É do Jorge&Mateus, se chama Propaganda. Muito péssimo mesmo!

    Au revoir <3
    http://tecerfloresecheirarlivros.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  15. Me incomodo profundamente com as músicas sertanejas, tenho a sensação de que quando escuto aquele sentimento da música passa para mim, por isso não gosto de usar. Só algumas românticas que são legais.
    bjs www.diadebrilho.com

    ResponderExcluir
  16. Nossa, Leslie, sinto como se tivesse sido eu quem escreveu essa postagem!! Vivo falando lá no Twitter o quando essas músicas sertanejas (até outros gêneros, mas vamos focar) são problemáticas e machistas!!! Não consigo compreender como as pessoas não enxergam tanto desserviço, de verdade. Uma que me deixa enjoada é Liberdade Provisória, da primeira dupla ali. Meus ouvidos sangram quando começa a tocar, mudo na hora!

    Beijos
    - Tami
    https://www.meuepilogo.com

    ResponderExcluir
  17. eu acho que 99% das letras sertanejas são terríveis, incluindo nesse balaio os sertanejos antigos também, viu? É um festival de abuso, machismo, ignorância, preconceito, avemaria!

    ResponderExcluir
  18. Caramba Leslie que post massa!!
    Concordo muitooo com você sobre essas letras.
    A segunda é muito machista aff, fiquei chocada lendo a letra porque não conhecia.
    E parando pra pensar como tem música que nos causam desconforto né... O foda é que essas músicas fazem um mega sucesso aff :/

    https://www.heyimwiththeband.com.br/

    ResponderExcluir
  19. Great recommendations my love💙💙 Regards!

    ResponderExcluir
  20. É interessante ver isso,porque assim como eu muita gente nunca parou para analisar de verdade as músicas que consumimos.Realmente,só bola fora.
    Vibe Da Maria

    ResponderExcluir
  21. Olá, tudo bem?
    Realmente aquela música com o nome "Litrão" me faz ficar com raiva sempre que ouço, muito machista!

    Lob Blog

    ResponderExcluir
  22. Sim, essas músicas são realmente desconfortáveis. Acho que existem muito mais nesse estilo e gostei da análise que vc fez.

    https://www.biigthais.com/

    Beijoos ;*

    ResponderExcluir
  23. Oi Leslie, tudo bem?
    Apesar de achar legal a representação feminina no que chamam de "feminejo", muitas letras são problemáticas mesmo, como a que você citou. Não preciso nem dizer do lixo que muitas letras do sertanejo convencional, masculino, são, né? Seus exemplos são mega ilustrativos. Que ranço.
    Beijos,

    Priih
    Infinitas Vidas

    ResponderExcluir
  24. Olha, realmente tem algumas músicas hoje em dia que eu não sei como fazem sucesso. Sinceramente...
    Gostei muito da sua honestidade e análise das letras. São três músicas que passarei longe
    Beijos
    Balaio de Babados

    ResponderExcluir
  25. Leslie, tem uma amiga que sempre fala a mesma coisa dessa música "Vidinha de balada". Aí depois que ela comentou, eu reparei e passei a não gostar (mesmo gostando do ritmo). =( E eu super entendo seu ponto de vista. Por trás de letras há muita coisa velada mesmo! Acredito que muitas não tenham esse propósito de fazer mal, outras, acho que sim. E pior que algumas ficam na nossa cabeça, mas pelo ritmo, né? Tipo aquela música chiclete hehehe! Enfim, a solução é escutar o que te faz bem e quem gostar não levar ao pé da letra e não fazer as coisas ruins e tal. ^^

    Beijos, Carol
    www.pequenajornalista.com

    ResponderExcluir
  26. Não é mimimi não. O que me deixa perplexa é que nunca ouvi/li ninguém falando nada a respeito. É degradante! Eu vou te dizer que nunca escutei real, porque não gosto de sertanejo universitário (acho que é esse o estilo, se estiver enganada desculpa), e meus vizinho graças a Deusa são super tranquilos, no máximo umas músicas dos anos 70 (sorte a minha).

    E o pior, acredito eu, que seja na intenção de "lacrar" que essas moças cantam uma coisa dessa, como se fosse normal uma pessoa que você confia e abre a porta da sua casa, muitas vezes, te apunhalar com a cara mais limpa. Mas não tá tudo bem, porque você é minha amiga e não sei o quê. Errado os dois, sai daqui.

    Isso não é ok. Pra mim, é lixo mesmo.

    Beijos!
    Neila Bahia ♥️
    neilabahia.com | Instagram | Pinterest 

    ResponderExcluir
  27. Eu gosto mais do sertanejo antigo, bem raiz. Esse novo sertanejo é muito chato, com letras ridículas. Eu já fui no show do Henrique e Juliano, mas fui só pra fazer companhia pra minha irmã que não gosta de ir em show sozinha. O problema das músicas não é só atualmente, não. Antigamente era bem ruim também, é só procurar que você acha. As músicas internacionais estão no mesmo nível.
    Por isso que passo horas ouvindo minhas músicas eletrônicas, sem nenhum cantor/cantora para abrir a boca e cantar besteiras.
    Bjus!

    galerafashion.com

    ResponderExcluir
  28. Oi
    gostei do poste, eu não escuto esse tipo de música, mas minha irma gosta e muitas dessas músicas possuem machismo, querem impor um relacionamento.

    http://momentocrivelli.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  29. Opa, como estão as coisas por aí?

    Olha, concordo contigo em todas as afirmações sobre as músicas. Inclusive, eu gosto bastante dos artistas que você citou, porém, não gosto nem um pouco dessas músicas haha. Suas considerações foram super válidas e certeiras. A primeira que me incomodou quando ouvi foi a da Marília... O erro é dos dois, assim como a culpa. Já as outras tem frases super machistas.

    Abraços!
    Acampamento da Leitura

    ResponderExcluir
  30. eu concordo contigo! sinto a mesma coisa em relação a essas músicas!
    não é meu estilo, mas já tinha ouvido a da Marília por aí, e não curti!

    xoxo
    Guria do Século Passado

    ResponderExcluir
  31. Ahh Leslie super te entendo porque tenho amigas como você que reparam na letra e realmente não escuto. No caso minha melhor amiga é assim eu confesso que vou mais pela melodia e canto música mesmo sendo letra assim. A primeira eu dou risada porque jamais seria assim comigo e canto de forma divertida. É aquilo pra você causa desconforto então é melhor evitar.
    Eu cantava música em inglês de hip hop e rap nos anos 90 e 2000 mesmo sabendo a tradução e era pior que funk brasileiro pesado. Eu digo que quem não sabe inglês é melhor nem ir atrás de tradução das músicas antigas. rsrs
    Beijos!
    Pam Lepletier

    ResponderExcluir
  32. Concordo com você nas análises dessas músicas kkkk acho um absurdo todas elas!
    Coincidentemente todas são sertanejo universitário, e a maior parte das músicas desse estilo seguem essa mesma cartilha abusiva e esquisita

    ResponderExcluir
  33. Parabéns pela postagem. Vou começar a seguir seu blog!

    ResponderExcluir

➤ Comentários rasos e sem sentido não serão respondidos e retribuídos.
➤ Se você NÃO leu o post ou o assunto NÃO te interessa, NÃO COMENTA!
➤ A você que leu o post e vai fazer um comentário pertinente ao assunto, meu muito obrigada.
O mais breve possível passarei em seu blog para retribuir o carinho.

© APENAS LEITE E PIMENTA 2013 | 2020. Todos os direitos reservados.
Layout e codificação: GLEICY HANER - DESIGNS E FOTOGRAFIA .
Tecnologia do Blogger.
imagem-logo