novembro 26, 2015

Viva o Amor Vergonhoso!

O amor é algo extraordinário! Não é a primeira vez que escrevo sobre ele aqui no blog. É que pensar nesse sentimento me rende grandes questões, suposições e conclusões. E na última vez em que parei para pensar, comecei com a seguinte pergunta:"O que é o Amor?". Mas vou lhe dizer algo clichê, não ha palavras que o expliquem, você só poderá entende-lo, quando senti-lo de verdade.
Casinhos aqui e ali, namoricos, ficadas. Na minha opinião, quando você classifica seu relacionamento com outra pessoa usando uma dessas palavras é por que de forma alguma existe amor (ou, amor reciproco), gostar é diferente de amar e satisfazer necessidades físicas que envolve beijos e outras coisas também não é amar. E pode acreditar que existem coisas dentro de um relacionamento "romântico" que são muito melhores quando se tem amor no meio, inclusive a chamada vergonha alheia.
No começo do namoro, é normal que os dois se sintam inseguros. Você sente aquela pequena preocupação em passar uma boa impressão. Mas com o passar do tempo, se tornar alvo de um mico básico na frente do seu amor não é o fim do mundo. Cair na rua, soltar um pum sem querer, ficar com alface nos dentes... tudo isso acaba sendo motivo de risada entre o casal.
Sabe por que? Porque ele te ama e isso é reciproco. Depois, que olhando de fora é vergonha alheia, mas coisas bobas passam a ser muito mais divertidas se feitas com a pessoa que você ama. Cantar em um karaokê para casal revigora sua alma e dançar nunca foi tão festivo a não ser que seja com ele.
Além disso, é ótimo se sentir amada e saber que você pode ser quem você realmente é com ele. Você não precisa ficar constrangida se sente vontade de fazer certas coisas ou tem manias estranhas, afinal, são essas peculiaridades que fazem ele te amar e você ser única.
 Fazer o que... o amor é assim, estranho, vergonhoso, mas é bonito e sorte de quem sabe o que é isso e não liga tanto para um vexamezinho aqui ou ali que você acaba passando por estar amando. Me conta aí nos comentários o que achou do post e se já passou por alguma vergonha no começo ou durante um relacionamento amoroso. Vou amar saber. Beijos e até o próximo post.

17 comentários:

  1. Comecinho de namoro é realmente assim mesmo. Realmente, só quem já amou/ama sabe o que é o amor. Amar é complicado, é bom porém complicado. Adorei os gifs e a tirinha, haha.

    http://ishnualah.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Começo de um relacionamento sempre é assim! Você começa com vergonha de tudo e aos poucos vai se soltando e se mostrando pra seu amor. Mas apesar de ser complicado, vale muito a pena amar alguem hahaha
    Amei o post, de verdade! Amei seu blog! kkkkk
    já estou seguindo, flor! Depois passa lá no meu!
    Tem posts sobre assuntos assim também! Bem reflexivo!
    Beijoos
    http://sonhandoacordadaofficial.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  3. Que temática bacana a se tratar, adorei haha
    Amar é complicado! Terminei o namoro ha um tempo e to evitando saber de amor
    www.camilakellen.com

    ResponderExcluir
  4. Cacara esse é o segundo post sobre amor que leio! Deve ser um sinal! haha! Eu acho que o legal de namorar é poder rir das palhaçadas/micos um do outro sabe. Não ficar tentando ser perfeita o tempo todo.
    Beijão!

    Estilo de sobra baby!

    ResponderExcluir
  5. No início dá uma insegurança e a gente que impressionar, mas com o tempo vem os micos pra gente dar risada. Amar é ser amado é bom demais. Bjus!

    galerafashion.com

    ResponderExcluir
  6. Eu cheguei numa fase que se tiver que pagar mico, já pago antes mesmo de começar a namorar pra criatura ter completa noção de como eu sou! hahahaha Uma risada exagerada, um jeito estabanado de comer...
    Só assim saberei que está comigo pelo que realmente sou.
    Teu post ficou ótimo!

    Um beijo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Também tô bem assim Tais kkkk.

      Mas acho que é a idade né... com o tempo as coisas assim passam a ter menos importância hehehe.

      Beijo !

      Excluir
  7. Eu adorei o post e concordo com você: o amor é recíproco.
    Ahn, sobre meu relacionamento, eu lembro que meu primeiro namorado gostava de ficar me apertando nos abraços e uma vez eu não aguentei e soltei um pum escapulido.. hahaha
    Foi divertido (ele não me odiou) e ficamos rindo a beça.
    No meu segundo relacionamento, nós compartilhávamos tudo, até as porquices que ninguém gosta de falar, e cá entre nós, era ótimo. Nunca tive um relacionamento tão bom como esse.
    Beijos. ♥

    Diário da Lady

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A ideia é compartilhar tudo mesmo, até as porquices hahaha Coisa de casal, mesmo que ninguém entenda :)
      Uma vez eu e meu marido estavamos chegando no prédio em que moramos e até chegar na porta estavamos brincando e falando alto, quando abrimos a porta havia várias pessoas no térreo fazendo uma pequena reunião de condominio. Ficou todo mundo olhando pra gente, comprimentamos as pessoas mas ainda demorou pra sair aquele silêncio do ar hahahaha
      Até as vergonhas que passamos juntos são legais, faz parte das coisas boas da vida.
      Obrigada pelo comentário linda. Abraço.

      Excluir
  8. hahahahah adorei! Quem nunca passou uma vergonha quando se tava amando?! hahaha melhores vergonhas ♥♥ namorei 5 anos, então claaaro que passei várias! kkk
    Beijoos,

    www.marinaalessandra.com

    ResponderExcluir
  9. Com certeza eu já namorei mais do que 1 ano e 6 meses então sei como é.
    Adoorei o texto. Realmente no comecinho ninguém quer passar vergonha, faz tudo calculado. Eu no começo nem comia ou sentia fome perto da pessoa, sou sempre assim nos primeiros encontros. rsrs
    Beijos!

    Blog Pam Lepletier / Já pensou em fazer uma árvore de natal na parede com pisca pisca? Então vem ver!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu também Pam, nem comia ou sentia fome quando a gente ia sair. Eu me achava feia comendo e tinha vergonha hahahaha Hoje eu como um Shawarma e nem me importo de parecer estranha na frente dele haha Obrigada pela visita e pelo comentário. Beijo.

      Excluir
  10. Amei o seu post, é exatamente assim. Não há nada melhor do que encontrar alguém com quem podemos ser nós mesmas.
    Beijos
    Bluebell Bee

    ResponderExcluir
  11. Que post mais amor! Eu e meu namorado passamos por esses perrengues de "meu deus, primeira noite dormindo junto, e se algo sair errado???" e hoje a gente vive falando disso e ri horrores hahaha é muito bacana ter alguém que a gente pode ser totalmente transparente, né? Sem vergonha ou medo de nada <3

    Abraço,
    literarizei.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Milena, eu tinha medo até das coisas que ia falar por msn pro meu paquera que agora é meu marido hahaha Agora virou motivo de piada a gente lembrar desses pequenos medos em passar uma má impressão! Obrigada pela visita e pelo comentário. Abraço.

      Excluir
  12. Sinto falta de me apaixonar idiotamente. E de ser correspondida. Ultimamente, só eu sou a que se apaixona :/
    | A Bela, não a Fera |
    | FB Page A Bela, não a Fera|

    ResponderExcluir
  13. Quem nunca passsou?? hahaha Adorei o post. O relacionamento tem que ser assim mesmo, pois somos humanos e fazer coisas banais do dia a dia fazem parte.

    Mil bjos,
    http://www.dmulheres.com.br/

    ResponderExcluir

* Comentários que eu perceber que são C+C serão ignorados;
* Só respondo comentários em que falam sobre o post;
* Deixe o link do seu blog para que eu possa retribuir a visita;
* Clique na aba "notifique-me" para ser avisado quando eu responder o seu comentário aqui no blog.

© Apenas Leite e Pimenta - 2013 - 2017. Todos os direitos reservados.
Criado por: Leslie Leite.
Tecnologia do Blogger.
imagem-logo