12.12.16

8 Coisas que Aprendi Depois de Casada

Recentemente respondi uma entrevista sobre Vida a Dois para o Blog Minuto de Bobeira, pensando nas respostas para as perguntas as quais a Kaila me enviou eu cheguei a conclusão que se casar é como qualquer fase da vida, em que vive-la acaba trazendo novas experiências. A rotina de vida muda e ao me casar eu aprendi muita coisa, principalmente sobre meu crescimento como pessoa, e nesse post eu vim contar pra vocês um pouquinho do que eu pude constatar depois de quase dois anos de casamento.

1. A geladeira esvazia.
Isso é uma coisa que pessoas que moram sozinhas também aprendem. Quando eu morava com meus pais a geladeira ficava cheia sozinha sem que eu me preocupasse, hoje em dia os responsáveis com o abastecimento de comida em casa somos eu e meu marido. Se você esquecer de comprar carne pra janta e ficar muito tarde para ir ao mercado, terá que se virar pra comer o que tiver no armário, e... armários também esvaziam.


2. Aprendi a comparar preço e saber que dias tem ofertas especiais nos supermercados.
Com essa crise então, não está fácil pra ninguém, até o Wolverine deve estar fazendo bico de açougueiro. Quando a gente sai da casa dos pais, precisa aprender a controlar gastos, o que resulta em uma coleção de encartes de supermercados em casa, e um enorme conhecimento sobre as ofertas da semana: terça é dia de frutas e verduras e quinta de carnes!

3. A casa VAI ficar suja.
Você pode não ser organizado, mas limpeza é uma coisa que todos devemos nos preocupar. Quando a gente mora na casa dos pais temos responsabilidades como lavar a louça, colocar o lixo pra fora e a obrigação de manter o seu quarto limpo. Ao se casar ou morar sozinho, você não tem mais que se preocupar apenas com o seu quarto, mas sim com a sua casa inteira. E gente, a casa vai ficar suja, então é necessário fazer faxina sempre e o serviço nunca termina, só se multiplica! 

4. É necessário cozinhar.
Se não cozinha, passa fome. Se pede pizza todo dia, fica balofx. E pedir marmitex sempre, acaba com seu orçamento. Então eu deixo minha dica, se você pretende sair da casa dos seus pais um dia, comece a aprender o básico na cozinha. Depois de me casar eu aprendi a cozinhar muita coisa. Eu sábia as coisas simples, arroz e bife acebolado, já era o suficiente pra não morrer de fome, mas com a tempo a gente vai se superando, um dia aprende uma receita nova, no outro liga pra mãe e pergunta como faz e ainda fica mais fácil com a ajuda do nosso amigo Google.


5. Mais dia ou menos dia, as contas chegam.
Essa é a parte mais chata da vida adulta. Toda vez que o correio chega com as contas eu me lembro dos dias fáceis em que minha preocupação na vida era apenas trazer um boletim com notas OK para os meus pais assinarem. Quando a gente sai da casa dos pais é fácil perceber que contas não são apenas do cartão de crédito, mas manter uma casa traz várias cobranças que você é obrigadx a pagar, afinal, você não vai querer ficar sem água, sem luz ou sem gás.

6. As Gambiarras da vida.
Sabe quando a sua mãe reclama que já faz seis meses que o bocal da lâmpada da sala quebrou e seu pai ainda não arrumou? É normal as coisas na casa quebrarem e ao morar sozinho ou casar-se a responsabilidade de arruma-las é SUA. O desespero maior vai ser quando o chuveiro queimar e você estiver pelada, com o corpo meio ensaboado e sozinha em casa. Nessas horas o melhor é fazer umas orações e pegar a fita isolante pra arrumar os fios do chuveiro ou apelar para o balde e a caneca. Aliás, as melhores gambiarras geralmente requer fita isolante e super bonder, tenha sempre esses produtos em casa, eles são uma mão na roda. 

7. Lavar roupa pode ser complicado.
Logo que casei eu e o Fabrício perdemos várias roupas pelo simples fato de que eu as manchei por lava-las de forma errada. Então sim, lavar roupa pode ser uma coisa complexa no começo. Mesmo com o uso da máquina de lavar é necessário dividir as roupas antes de colocar pra lavar: delicadas, brancas, coloridas, jeans... além disso, nem todo produto para lavar roupas que funciona em um tipo de tecido pode ser usado em outro. É bem trabalhoso, mas devo confessar que depois de ver tudo cheirosinho eu fico bem orgulhosa de mim, haha. Ahh.. e eu descobri que a máquina de lavar também precisa ser lavada. Isso foi novidade pra mim.


8. A convivência.
Durante o namoro você não vê a pessoa amada 24h por dia e vocês ainda não tem certas responsabilidades em comum, no casamento, essas responsabilidades e obrigações te unem e você passa a conviver com a pessoa durante muito tempo e mais, na mesma casa, então muita coisa muda daí em diante. Mensagens no WhatsApp são regadas a muito amor com um lembrete no meio do tipo: "Não esquece de descongelar o frango e comprar papel higiênico!". Um dos dois sempre vai roubar mais espaço na cama e o cobertor, isso é lei! E depois de casar a gente sempre descobre manias do parceiro que não sabíamos que ele tinha, e essas manias podem acabar irritando, mas é necessário respirar fundo, contar até vinte e deixar pra lá. Principalmente o começo do casamento é uma aprendizagem e os dois devem entrar em comum acordo pra se acostumarem com a convivência na mesma casa, com paciência tudo dá certo e amor supera tudo. (1 Coríntios 13:4-8)


Algumas pessoas tem um conceito ruim sobre o casamento por diversos motivos, mas no geral, apesar dos desafios listados aqui, eu gosto muito de ser casada e ter minhas próprias responsabilidades. Aliás, casamento não tira sua liberdade, mas sem dúvida antes de dar esse passo importante é necessário saber se você está pronto para uma vida a dois. Espero que tenham gostado. Eu fico por aqui. Beijos de Leite e até o próximo post.

Me acompanhe nas redes:

31 comentários:

  1. Amei seu post e me identifico com todos os itens. O pior lá em casa continua sendo a limpeza, pois ainda não sobrou dinheiro pra pagar alguém pra ajudar... olha, que vida nada fácil essa de dona de casa e trabalhar fora!
    Agradecendo a visita em meu blog... Beijos �� e Feliz Natal! ��
    Blog A primeira Casa

    ResponderExcluir
  2. Amei o post! Muito legal saber os seus aprendizados depois de casada, porque serve pra gente que ainda é muito novo, e pra quem acabou de casar haha! Post muito interessante!
    Beijos
    Boas de Papo

    ResponderExcluir
  3. Este post está genial, acredito que seja mesmo assim! É uma mudança muito grande,eheh
    Gostei do blog, já sigo :)

    missweetie.blogspot.com

    ResponderExcluir
  4. Adorei o post, acho que conseguiu retratar bem as dificuldades reais. Acho que morar junto deve ser uma maravilha, mas os dois têm que estar preparados pra isso se não vira uma experiência horrível x) cozinhar já sei, agora preciso aprender a lidar com a máquina de lavar hahaha e a parte das contas deve ser horrível mesmo! x.x
    Beijoss!
    http://tipsnconfessions.blogspot.com

    ResponderExcluir
  5. Amei o post, super bacana você dividir isso com a gente!

    https://amebatom.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  6. Que post bacana, adorei ler viu, está super legal mesmo falando sobre a vida a dois e as responsabilidades da vida adulta!
    bjs
    www.PattyLye.com.br

    ResponderExcluir
  7. Adorei o post e em saber como é mais ou menos a vida de casada.
    Eu sou louca para viver esses estilos de responsabilidade (sério mesmo. kkk). Aprender a conviver com a pessoa que amamos, organizar as compras do mês, ter controle dos gastos mensais da casa, abastecer a geladeira e armário com moderação e sem gastar horrores.
    E cozinhar eu sempre amei fazer, mas se eu me casar um dia, vou querer que meu marido me ajude nos afazeres de casa também. hehe
    Excelente post, sei que vai ajudar muitas de nós, solteiras, noivas ou até mesmo já casadas.
    Beijos. ♥

    Diário da Lady

    ResponderExcluir
  8. kkk tudo verdade, eu tive que aprender a cozinhar quando vim morar sozinha, queimei muito arroz. E sim eu ando de mercado em mercado procurando o melhor preço. Adorei o post!


    Blog Entre Ver e Viver

    ResponderExcluir
  9. hehe a gente aprende td isso qd mora sozinha, e casada ainda tem o desafio da convivencia do dia a dia...

    www.tofucolorido.com.br
    www.facebook.com/blogtofucolorido

    ResponderExcluir
  10. Great post!
    You have a nice blog!Would you like to follow each other?
    Let me know on my blog.
    Have a great day!
    Dilek
    www.soslubadem.blogspot.com.tr

    ResponderExcluir
  11. Hahahahaha AMEI o post, ainda não sou casada, mas tenho amigas que são e ~conheço~ muito bem esses dramas que você citou no post, adorei conhecer seu blog, beijos minha linda!

    https://sejaumunicornio.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  12. a convivência do dia a dia é tudo né? Bem legal o post!
    bjoka http://diadebrilho.com

    ResponderExcluir
  13. Eu ainda não sou casada mas grande parte dessas coisas já descobri haha
    Amei essa piadinha da dieta, espero não virar uma bolinha depois do casamento.

    Obrigada pela visita :)
    https://papeldeouro2016.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  14. Amei o teu post bom eu ainda não casei, mas já vivo com o meu namoradk e já tive de lidar com todos os pontos que mencionaste.
    Acho que o mais complicado é a convivência, mas com muita paciência mesmo tudo entra no lugar.
    E também perco muito o cobertor a noite isso é luta de noite kkkk
    Beijinhos!

    ResponderExcluir
  15. Que lindooo
    Apesar dos tantos desafios acho muito bom o casamento
    Seguindo seu blog ja
    Bjinhos
    naosouapenaslouca.blogspot.com

    ResponderExcluir
  16. Adorei <3 Ainda não sou casada, mas pretendo mais pra frente! haha dizem que vida de casada, não é nada fácil! Mas, o casamento de fato é algo tão bom.
    Já estou seguindo seu blog, poderia retribuir seguindo o meu?
    Beijos
    http://palavrass-ao-vento.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  17. Eu não sou casada no papel mas já me considero, sabe? Meu namorado mora comigo, mas ainda não temos casa própria (se tudo der certo, isso vai mudar em 2017). Sinto que eu endeusava muito a ideia de ter uma vida a dois, e acabei quebrando um pouquinho a cara quando isso aconteceu realmente hahaha
    É maravilhoso dividir a minha com alguém que ama, mas não dá pra entrar de cabeça nisso sem antes ter noção de que pessoas tem suas manias e implicâncias e elas não precisam ser necessariamente as mesmas que as suas, e que isso pode gerar confusão se não sabermos lidar com isso. Acho que a cada dia que passa eu aprendo mais sobre estar compartilhando tudo com alguém, mas isso fica mais fácil quando é o amor da minha vida. <3

    Amei o post,
    literarizandomomentos.blogspot.com

    ResponderExcluir
  18. Que bonita essa parte da Bíblia que você citou, o amor verdadeiro realmente suporta tudo e dura pra sempre <3
    Ótimo post, eu que quero casar um dia já vou me preparando HAHAHAHAH!

    https://heyimwiththeband.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  19. Que post lindo!
    Eu amei!! Espero um dia vivenciar tudo isso...
    Beijos,
    http://www.comsuspiros.com/

    ResponderExcluir
  20. Eu não sou casada, mas porém tenho receio de perder um pouco minha individualidade e privacidade sabe... A questão da convivência pode ser bem complicada quando cada um tem uma criação e modo de pensar diferente...
    www.blogflorescer.com

    ResponderExcluir
  21. Bem interessante o modo que você abordou cada situação referente ao casamento.

    www.paginasempreto.blogspot.com.br

    Beijos

    ResponderExcluir
  22. Amei muito o seu post em todos os aspectos. Você escreve de forma muito divertida e clara, parabéns! Adorei os itens citados, é tudo dificil mas é muito bom ter seu lar!
    A minha maior dificuldade vai ser a cozinha hahaha

    http://www.mergulhares.com.br/

    ResponderExcluir
  23. Que gracinha, ainda não sou casada maas acho que são enormes diferenças né??

    Adorei!!

    Beijos da Nati
    www.oxifalei.com.br
    Snap: nath.thamires
    Instagram: @oxi.falei

    ResponderExcluir
  24. Ainda não sou casada, mas muitas coisas mudam mesmo.

    Blog Marcy Moraes

    ResponderExcluir
  25. Que post massa, Leslie. Eu e meu namorado estamos nos planejando - por enquanto são só planos e economias sendo poupadas - pra ter um lugarzinho nosso, mas acho que ainda vai demorar um tempinho razoável. Mas bom demais saber desses seus aprendizados, já vou me preparando psicologicamente pra sair das asas da mami xD

    Um beijo grande!
    www.heeeymaria.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  26. A pior parte pra mim é cozinhar kkkk

    nayanemartins.com

    ResponderExcluir
  27. Eu e meu namorado estamos naquela fase de sonhar acordados sabe: "vamos casar! olha ali amor que ap lindo! olha esse abajur combina com a gente"(1 e 4 meses juntos, fase de td ser lindo e maravilhoso). Mas depois deste post e dos conselhos da minha mãe percebe que tem que ter maturidade para isso.
    E eu amei tanto o post que vou compartilhar com ele.
    Beijos.

    ResponderExcluir
  28. Esse item do orçamento é muito importante, porque agora tudo tem que ser pensado a dois, não pode mais sair gastando ou comprando o que quer. O casamento é uma vida de ajustes, mas o que muitas pessoas não entendem é que o problema não são os ajustes e sim o tipo de pessoa que elas escolhem passar por ajustes. Existem muitas negociações porém ótimos dividendos. Não troco minha vida de casada por nada.Fui muito abençoada nesse sentido.
    Beijos!
    http://vivendolaforanoseua.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  29. Ser casada realmente não é fácil. As coisas ficam difícil com qualquer convivência. Falando em armário vazio, aqui em casa tamo precisando reabastecer o nosso hehe.
    Beijinhos

    Vidas em Preto e Branco

    ResponderExcluir

* Comentários que eu perceber que são C+C serão ignorados;
* Só respondo comentários em que falam sobre o post;
* Deixe o link do seu blog para que eu possa retribuir a visita;
* Clique na aba "notifique-me" para ser avisado quando eu responder o seu comentário aqui no blog.



Feito com ♥ por Lariz Santana