21.3.18

É Fácil Vestir Uma Criança?

Esse é o Igor, eu vou deixar essa foto aqui, só pra aumentar o nível de fofura desse post
Não. Eu ainda não tenho filhos, mas, isso não me impede de babar na fofura que são as roupas infantis, principalmente as femininas. Neste final de semana eu estive em um evento que reuniu mais de mil pessoas, inclusive crianças, e eu fiquei encantada com o zelo dos pais em cuidar para que os seus filhos estivessem bem vestidos.

Durante o evento, na minha frente sentou-se uma família que tinha um bebê, percebi que a menininha tinha no máximo dois anos, ela estava uma graça, usando um vestido de tule em cor pérola, brincos, anéis e uma pulseira como acessórios, além do pequeno sapato, que combinava perfeitamente com o vestido. No cabelo, um laço. E mesmo estando toda produzida, era visível sua personalidade e inocência.

O objetivo de arrumar uma criança, não é apenas que ela fique bonita e bem arrumada, os pais acabam tendo uma responsabilidade a mais, o conforto e a segurança da vestimenta de seu filho ou filha. Por exemplo, a menininha que sentou na minha frente na assistência do evento, estava vestida como uma princesa, porém, por vezes eu a vi enroscando a sua pulseira no tule do vestido, o que a deixou frustrada e limitou seus movimentos habituais, afinal, criança se mexe, e muito. Se a sua pulseira não tivesse um modelo de "pontas soltas" ou o tule do vestido fosse de tramas mais fechadas, ela não teria passado pelo pequeno (mas chato) probleminha, que depois a mãe ajudou a resolver.

Em uma das minhas aulas do curso de Designer de Moda, entramos numa discussão sobre indumentária infantil, conversamos sobre o quanto é indispensável se preocupar desde com o design, até os aviamentos que serão colocados em roupas infantis. É trabalhoso, porém, seguro. Por exemplo, é de suma importância se preocupar com o tipo de tecido que são feitas as roupas para bebês, pois, podem causar alergias, machucar a pele sensível deles ou limitar seus movimentos, além disso, até mesmo alguns modelos de zíperes podem causar ferimentos, por isso, grande parte das roupas para crianças pequenas tem botões de pressão.


Duas lojas online, parceiras aqui do blog, produzem roupas infantis de forma artesanal, o que significa que detalhes são importantes na hora do desenvolvimento das peças.

A loja online Ana Giovanna (https://anagiovanna.com.br) é especializada em moda infantil feminina, trazendo vestidos com várias estampas e modelagens, além dos belos acessórios para cabelo e os conjuntos tal mãe tal filha.



Já a loja online Bela Pequena (http://belapequena.com.br) apesar de também apresentar aos clientes principalmente moda feminina infantil, tem dentre jardineiras, sobretudos, macacões e outras peças, os conjuntos tal mãe tal filho, tal pai tal filho/filha, onde dá também aos meninos a opção de sair por aí combinando com os seus pais.


Talvez seja difícil vestir uma criança, talvez a vestimenta de umx filhx seja mais uma das preocupações (dentre tantas) de mães e pais, porém, tudo fica mais fácil com a existência de empresas que se importam com o conforto e o bem-estar dos pequenos que usam seus produtos, por que, quando se mistura bom-gosto e carinho tudo dá certo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário



Feito com ♥ por Lariz Santana